5 motivos para assistir iZombie!

izombie, netflix, liv, olivia moore, zumbis, cérebros

Opa, falou em zumbis é comigo mesmo! Meu amor com iZombie começou primeiro com indiferença: The Walking Dead estava em hiato e eu não tinha mais filmes do tema para assistir. Eu já havia ouvido falar da série, mas nunca me interessei para saber do que se tratava: primeiro por causa do nome, (motivo besta né?, mas me lembrava iCarly) e segundo por causa do pôster de apresentação da série (é esse que coloquei na chamada da postagem). Resumindo, a série realmente não me chamava atenção. Até que eu fiquei sem nada do gênero para assistir, e foi quando me arrependi de não ter assistido antes! Vou listar 5 motivos pelos quais acho que vale a pena assistir iZombie, vem comigo:

    1) ZUMBIS !

iZombie chegou para dar uma repaginada na categoria série/filme sobre zumbis. Não houve um apocalipse zumbi, o mundo não acabou e os zumbis não estão caindo aos pedaços e tentando comer qualquer pessoa que vêem pela frente (bom, alguns até estão, mas não vem ao caso agora). Aqui os mortos-vivos são pessoas normais, inseridos na sociedade, mas que não fazem nenhum mal às pessoas (quando não estão com fome). Eles ainda precisam se alimentar de outras pessoas, mas não de qualquer parte delas: só serve se for o cérebro!

Tudo começou em uma festa em um barco, onde uma mistura de uma nova droga no mercado e um vírus tornaram as pessoas agressivas e elas começaram a comer umas as outras. A Liv (Olivia Moore) era uma médica residente workaholic com um noivo dos sonhos, mas que nunca se divertia ou saia com os colegas de trabalho. E aonde ela acaba parando? Na festa do barco! Lá, ela é arranhada pelo Blaine (voltaremos nele depois) e se transforma. Diante da nova condição, ela abandona o emprego no hospital e vai trabalhar como legista em um necrotério (cérebroooos).

tumblr_odesm1ktzn1rc0x8uo8_250

Vale reforçar ainda que iZombie é uma série policial sobre zumbis. Quando a protagonista come um cérebro de uma pessoa que foi enviada para o necrotério ela adquire as lembranças, trejeitos, personalidade e até o modo de falar da pessoa cujo cérebro ela comeu. Com esse novo super poder, ela vai se juntar ao seu parceiro Clive para juntos solucionarem os assassinatos mais suspeitos e sem pistas evidentes. Liv é uma protagonista feminina muito badass e eu já falei sobre representatividade antes aqui no blog, para quem não viu, o link está aqui: O que Supergirl nos ensina sobre Girl Power.

tumblr_od4nwlzn3e1qc1jcco1_500tumblr_od4nwlzn3e1qc1jcco2_500

iZombie era inicialmente uma HQ da DC (Vertigo) e quando acabou a segunda temporada e eu iria ficar um tempão esperando pela estréia da terceira, me arrisquei com o quadrinho, já que a série é tão boa. Não posso dizer que foi de todo uma decepção, afinal são duas histórias completamente diferentes. A única coisa em comum que a série e a HQ tem em comum é uma protagonista (que nem tem o mesmo nome) que se alimenta de cérebros e herda as memórias do morto. SÓ! No quadrinho, Liv é a Gween, trabalha em um cemitério, tem um amigo lobisomem e uma amiga fantasma e os grandes vilões da primeira edição são vampiros. A história não é ruim, mas não era o que eu fui esperando encontrar. Se quiserem uma resenha da HQ por favor, deixem nos comentários.

    2) Rose McIver no papel de Olivia Moore

Não sei se vocês lembram do papel da Rose em Power Rangers RPM como a ranger amarela ou como a Sininho recentemente em Once Upon a Time, mas eu (novamente com meu preconceito desnecessário) não colocava muita fé no trabalho da atriz como protagonista de uma série. Novamente eu estava enganada. E MUITO! Como a Liv assume uma personalidade diferente a cada episódio, vemos uma enorme versatilidade na atuação de Rose McIver. Ela é boa mesmo e não fica forçado. Ela passa de Dominatrix a cleptomaníaca, passando por artista, assassina de aluguel, alcoólatra, lutadora de kong fu e muito mais.

http://heartofthetruestsavior.tumblr.com/post/121210328625/you-are-what-you-eat

    3) #TeamLiv: Ravi e Clive

Uma boa notícia é que a série não gira só em torno da Liv: vários outros personagens desenvolvem tramas complementares no decorrer dos episódios. Dois importantes desses são: o médico legista que se torna o melhor amigo de Liv, Ravi e o detetive que embarca nos casos tendo a protagonista como parceira, Clive. Ravi é o primeiro a descobrir sobre a nova condição de Liv e é um daqueles personagens fofinhos e mega engraçados que você imagina tendo como melhor amigo. Clive é um policial acético que valoriza muito a carreira e se esforça ao máximo para resolver os casos. Os dois são amigos inestimáveis para Liv e estão sempre ajudando-a, então é claro que eles também são um motivo para assistir a série.

raw

    4) Blaine

Blaine é um dos highlights da série: ele é aquele tipo de vilão que não dá pra odiar (muito). Ele é do tipo caótico mau (alguém aí joga RPG?) e só liga para seus próprios interesses. Nisso, dá pra ver que ele é um dos personagens mais sinceros da série e com um humor sensacional. Mas nem por isso ele deixa de ser mau: foi ele que infectou Liv na festa do barco e fez várias coisas piores desde então (mas vamos garantir que esse top 5 seja spoiler free). Para terem uma noção, ele transforma várias pessoas ricas em zumbis e depois oferece para elas um serviço de assinatura de refeições. A BASE DE CÉREBROS. Ele pode parecer um idiota presunçoso no começo, mas tenho certeza que vai ganhar o coração de muita gente, assim como ganhou o meu.

tumblr_ny03x9h3951qz8rwfo2_500

    5) Referências a cultura pop

iZombie está cheio de refeêrncias a sériados e filmes da cultura pop como: Friends, Matrix, Game of Thrones, Once Upon a time, Harry Potter e outros. Os personagens são fãs iguais a gente (tirando a parte dos zumbis, é claro). As vezes também rola um humor negro, principalmente vindo do querido Blaine.

http://rocktheholygrail.tumblr.com/post/140784949898/izombie-game-of-thrones

Esses são só alguns dos motivos para assistir iZombie, uma série amorzinho que conquistou meu coração, com uma protagonista badass e vários assassinatos para resolver. A CW soube equilibrar as doses de humor, seriedade e tensão, contando uma história sensacional sobre zumbis. Então vai correndo lá na Netflix para conferir!

izombie, netflix, liv, olivia moore, zumbis, cérebros
 
iZombie
CW/Netflix
2 temporadas (com a 3ª já renovada e em produção!)
A primeira temporada já está disponível na Netflix!
Lançamento: 2015

 
 
 
 

Juliane Oliveira

Gosto de distopias memoráveis e contemporâneos que não sejam desnecessariamente tristes. Não sou muito fã de dias chuvosos ou frios. Apaixonada por séries, livros, filmes e pets no geral.

Related Posts

7 Discussion to this post

  1. Clayci disse:

    Ju estou fechando a 5 temporada de OUAT e quero começar ainda essa semana assistir essa série hahahaha <3

  2. Finalmente uma dica de série boa. Depois de ler esse post fui correndo ver o trailer e já decidi: vou assistir. É uma ideia bem diferente e a história parece ter um pouco de tudo: drama, comédia, romance, policial, etc. Estou com as expectativas bem altas.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

  3. Luciana Campos disse:

    Juro que falo a verdade quando digo que esse seu post mudou drasticamente minha opinião sobre essa série! Assisti um pedaço de um episódio na casa de um amigo uma vez e achei beeeeeem trash (era um em que ela pula em um buraco pra ajudar alguém que tava dentro, não lembro bem)… Mas adoro séries que conseguem inserir referências de modo natural e que também diversifique os episódios pra não ficar maçante. AMO TWD e OUAT, então quando tiver um tempinho acho que vou arriscar um episódio de iZombie.

    • Juliane disse:

      Oi Lu, tudo jóia? Dá uma chance pra série, ela é maravilhosa!
      E tem referências aos montes! Leva só uns 2, 3 no máximo, episódios para se acostumar com o universo da série, depois é só curtir <3
      Depois me conta o que achar!

  4. ana disse:

    seie muito boa e scapa do cliche de zumbis oque deixa tudomelhoe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *